Crianças Que Acampam Vão Melhor Na Escola, São Mais Felizes e Saudáveis, Sugere Estudo
 
Crianças que acampam ao ar livre pelo menos uma vez por ano têm melhor desempenho escolar, além de serem mais saudáveis e felizes, de acordo com seus pais. Essa foi a conclusão de um estudo realizado pelo Instituto de Educação da Universidade de Plymouth, que contou com a colaboração do Camping and Caravanning Club, instituição do Reino Unido com mais de 500.000 membros, que ajudou a entender as relações entre educação e acampamento.
Pais e crianças do Reino Unido responderam a uma série de perguntas que visavam os benefícios educacionais, psicológicos e sociais que a experiência dos acampamentos proporcionava para crianças de todas as idades.

Liderada por Sue Waite, professora associada do Instituto de Educação Plymouth, a pesquisa constatou que 4 de cada 5 pais julgavam que os acampamentos tinham um efeito positivo sobre a educação escolar de seus filhos. Além disso o estudo mostrou que 98% dos pais disseram que os acampamentos faziam os filhos apreciarem e se conectarem à natureza; 95% disseram que os filhos ficavam mais felizes quando acampavam; e 93% que a prática de camping ajudava no desenvolvimento de novas habilidades úteis para a vida mais tarde.

Alguns pais,15%, relataram que estar desligado de tecnologias (computadores, tablets, celulares) é uma coisa boa para seus filhos e um dos benefícios da prática de camping; 20% dos pais disse que o acampamento dá às crianças liberdade, independência e confiança; mais de dois terços, 68%, julgavam que os acampamentos ajudavam seus filhos no processo de aprendizagem em sala de aula, pois as crianças podem compartilhar suas aventuras e experiências de quando acamparam, bem como de suas empolgantes visitas a locais onde elas aprendem história.

Sue Waite disse: “O interessante é que os pais acreditam que o acampamento ajuda na compreensão do currículo escolar nas matérias de Geografia, História e Ciências. E na verdade isso acontece porque as atividades de camping mais comuns são naturais – como procurar plantas e animais escondidos em pedras e árvores e trilhas em meio à natureza – onde as crianças conseguem entender melhor os ecossistemas e identificar as formas de vida, respeitando assim a natureza e o meio ambiente.

Quando perguntado às crianças que participaram da pesquisa o que elas mais gostavam nos acampamentos as respostas mais comuns eram: fazer e conhecer novos amigos, se divertir, brincar ao ar livre e aprender várias habilidades de campismo. As crianças também reconheceram o valor dos acampamentos para as disciplinas escolares e para a resolução de problemas e para o trabalho em grupo.

* O artigo original está em:  http://goo.gl/z1Jfsm e foi traduzido pela equipe do MaCamp. Para compartilhar a tradução, favor citar o MaCamp como fonte.

 

COMPARTILHAR

CEO e Editor do MaCamp | Campista de alma de nascimento e fomentador da prática e da filosofia. Arquiteto por formação e pesquisador do campismo brasileiro por paixão. Fundador do Portal MaCamp Campismo sonha em ajudar a desenvolver no país a prática de camping nômade e de caravanismo explorando com consciência o incrível POTENCIAL natural e climático brasileiro. “O campismo naturaliza o ser humano e ajuda a integrá-lo com a natureza.”

  • Anderson Gtinferno

    crianças que acampam aprendem a armar a barraca desde cedo :V