Excesso de Peso no Motor Home - Alguns Esclarecimentos.
 

Nos últimos tempos a equipe do MaCamp verificou algumas ocorrências em relação ao peso real de motor homes e o dito “peso bruto total” (PBT) do chassis. Discussões e informações técnicas à parte, seguem algumas palavras de um fabricante que foi questionado sobre o assunto.

Em um rodovia deste imenso Brasil eis que um motorhomeiro é obrigado a parar em uma balança e é multado por seu veículo estar mais pesado do que o máximo permitido na placa do chassi. Após alguns questionamentos sobre a responsabilidade da fábrica que o transformou em “motor casa”, a seguinte resposta pode ser conferida abaixo. Importante salientar que não cabe aqui uma avaliação sobre razão ou opinião, mas sim uma reflexão sobre alguns quisitos importantes que devem ser avaliados na escolha do motor home, não somente na hora de se pensar em economia na aquisição e uso: Tipo de chassi/mecânica; tipo de rodagem; Carga extra; reservatórios.

 

“A todos.  O Motor Home do Sr. (…) em questão esta pesando os exatos 3.820 KG peso este que temos em comprovados aqui pelo tick de balança da empresa (…), localizada em nosso bairro, todos os Trailer e Motor Homes fabricados por nos são pesados e estão dentro da legislação.
 
No caso especifico do Sr. (…) foi que ele estava com todas as caixas cheias (410 L de água potável + 210 litros de água servida + 170 Holding Tank ) totalizando 790 Kg, quando ele chegou em nossa fabrica apos o encontro de (…) ele comentou sobre a multa eu pessoalmente perguntei sobre as caixa e argumentei porque ele não esvaziou a caixa no próprio posto da balança, disse que ficou um pouco nervoso e nem pesou nisso na hora.
Nos aqui da (…) sabemos que se todas as caixa estavam cheias vai dar sobre peso, por isso sempre aconselhamos nossos clientes esvaziarem as caixas, principalmente as sujas. Vc pode esvaziar ou deixar água pela metade, assim vc não precisa carregar tanto peso e não fica sem água.
 
Este Motor Home montado em veículos de rodado simples eles são limitados a peso, cabe não so a nos fabricante mais principalmente o usuário ter consciência na carga, já que eles querem economizar pedágio.”


 

COMPARTILHAR
CEO e Editor do MaCamp | Campista de alma de nascimento e fomentador da prática e da filosofia. Arquiteto por formação e pesquisador do campismo brasileiro por paixão. Fundador do Portal MaCamp Campismo sonha em ajudar a desenvolver no país a prática de camping nômade e de caravanismo explorando com consciência o incrível POTENCIAL natural e climático brasileiro. "O campismo naturaliza o ser humano e ajuda a integrá-lo com a natureza."