RE: Turiscar Brilhante SL 478 1981 – História, grandes reformas, reparos, melhorias etc

HOME Fóruns Caravanismo Trailers Turiscar Brilhante SL 478 1981 – História, grandes reformas, reparos, melhorias etc RE: Turiscar Brilhante SL 478 1981 – História, grandes reformas, reparos, melhorias etc

#60665

carlosfanara
Participante
Davi Perpétuo wrote:
Queridos amigos, É com grande alegria que apresento a vocês o mais novo Turiscar da família! Um Turiscar Brilhante Super Luxo 478 ano 1981. (isso mesmo, 478 e não 480) Bom pra iniciar a história, tenho que contar que o nosso querido Caravana continua na família, agora sob a tutela do meu pai. Aliás ele foi quem motivou nossa compra, pois estávamos felizes e satisfeitos com o Caravana. Felizmente meu pai se interessou em ter um trailer, e inciamos as buscas por um modelo pequeno. Após analisar alguns, pensei em procurar um Brilhante pra mim (que sempre foi o meu sonho) e vender o Caravana pro meu pai, assim ele pegaria um trailer perfeito para uso e não teria dores de cabeça e transtornos com reformas, melhorias etc. Então começamos as buscas, e o mercado não tinha nada compatível na relação estado x valor pedido. E após algum tempo apareceu um Brilhante que me chamou a atenção, embora num valor alto pra mim no momento, as fotos pareciam mostrar um trailer perfeito. Entramos em contato e começamos a negociar, e acabamos chegando num valor possível. Marcamos e fomos então a Catanduva-SP, cidade onde o trailer estava. Saímos as 4:30h da manhã, pois Catanduva dista 450km de casa. Chegamos por volta das 10h, abastecemos, esperamos o antigo dono no local marcado, e após o encontro, ele nos conduziu até sua casa, onde o trailer estava. Ao nos depararmos com o trailer vimos que as fotos do anúncio eram bem antigas (do anúncio de venda onde o antigo dono o comprou) e o trailer não mais estava naquele estado das fotos, que já têm uns 2 anos. E tivemos grande choque ao vê-lo assim: Ele esteve no relento por um bom tempo sem calafetação, está, por tanto, com muita infiltração e as paredes cheia de partes podres, além de estar com a pintura muito ruim, e partes danificadas, como janela traseira, caixa de gás, faltando a clarabóia do corredor. Porém o chassi, eixo e assoalho intactos, de estrutura boa, e com eletrodomésticos novos e muito bons, conversor de energia, geladeira, A/C, microondas, forno, cooktop, aquecedor de passagem, todos esses itens novos, o trailer se mostra muito original, foi muito bem cuidado por toda sua vida, até os últimos anos em que acabou indo pras mãos de pessoas que não tiveram a orientação sobre calafetação etc. Mas diante deste quadro, começamos, após uns telefonemas à profissionais do ramo, a negociar a compra do trailer para reformá-lo, aí o valor foi reduzido para tornar viável o negócio, e o próprio dono não sabia das infiltrações, pois o papel de parede as esconde, e se deparou com uma realidade diferente da que via em seu trailer. Mas após algum tempo e negociação conseguimos chegar no máximo possível viável a se pagar para reformar o trailer. Assim encaramos a empreitada e decidimos o levar para casa. Fizemos o pagamento, o reconhecimento de firma do recibo de venda, e fomos amarrar a caixa de detritos que estava presa por apenas uma travessa e seguimos para a estrada. Primeira parada foi pra calibrar os pneus, que estão muito ruins, o que nos deixou cautelosos o trajeto todo.


Aqui já estavamos em Limeira-SP, já tendo rodado 250km 450km rodados com muita surpresa, pois até hoje não tinha rebocado outro trailer fora o Caravana, e me surpreendi muito positivamente, trailer muito estável e firme de se rebocar, mesmo não estando ainda em seu pleno vigor e forma, com amortecedores velhos, pneus ruins etc. Chegamos em casa a 00:00h exatamente E agora teremos muito, mas MUITO o que fazer. Um grande abraço! Davi.


A título de curiosidade, achei nos meus arquivos um anúncio de venda do meu Brilhante em Setembro de 2013, em Montenegro-RS. Lá ele ainda era todo original. Foi comprado por alguém de Salvador-BA, que fez essas modificações de aquecedor e modernizou a cozinha, e ele voltou de lá em 2014 ainda pra Catanduva-SP. Creio que foi nessas duas gestões de 2013 pra cá que o trailer ficou no tempo e foi estragando. Nas fotos que o antigo dono me mandou, o trailer ainda está com placas da Bahia, e jogando no google achei ainda reflexos do anúncio da Bahia de 2014.

Bom dia Davi. Sem querer me intrometer no seu trailer mas esse estepe ficaria melhor conforme a adaptação que fiz no meu KC 450, (talvez não seja possível) veja o tópico: http://portal.macamp.com.br/forum/showthread.php?tid=5098 abç Carlos Fanara