GM TrailBlazer 2.8 TDI

HOME Fóruns Campismo & Aventura Carros e Utilitários GM TrailBlazer 2.8 TDI

Este tópico contém respostas, possui 16 vozes e foi atualizado pela última vez por Odair Teixeira Odair Teixeira 5 dias atrás.

Visualizando 5 posts - 21 até 25 (de 25 do total)
  • Autor
    Posts
  • #63155

    Ronald Ataulo
    Participante

    Verdade Edin, não há duvidas que a robustez das grandalhonas é bastante superior. Concordo também com você que a praticidade das médias como menor tamanho, maior leveza, menor consumo, alta tecnologia, alta performance, entre outros, fazem com que se tornem mais adequadas ao uso cotidiano. Temos aqui no fórum o nosso amigo Giovanni (Família G) que possui uma MARAVILHOSA F-250 cabine dupla ano 2011 para rebocar o seu Turiscar Diamante Excella. Não resta dúvida que o carro é fantástico, no entanto, por vezes ele se questiona sobre o transtorno do excesso de tamanho. Até já veio me perguntar sobre a GM S-10. O mais importante de tudo é que temos hoje no mercado ótimas opções de tracionadores, até mesmo para os trailers maiores. O caravanista não ficará sem opção de escolha. E olhe que estamos falando das principais referencias, ou seja, quais são as melhores opções para rebocar. Acontece que temos amigo aqui do fórum, o Rodrigo Ribeiro, que reboca o seu KC330 com um Ford Fiesta 1.0 e acompanha a turma em todos os lugares, subiu a serra de Campos do Jordão-SP e Visconde de Mauá-RJ. Para quem conhece sabe que até as picapes maiores sentem o peso da serra, e ele vai embora. O que importa é colocar o trailer no engate e sair para o mundo…

    Ronald Ataulo
    Trailer Turiscar 6.5 (New Pipoca)
    Santos-SP
    www.boraprocamping.com

    #100718

    Cuco
    Participante

    Beleza Ronald !
    Tenho um trailer Delka 460 ( 1700kg) e puxava com uma Triton ( conversei com você no camping Estaleirinho anos atrás ), ela era muito boa, firme, a temperatura do motor não variava nunca, podia estar vazia ou puxando o trailer na subida de uma serra .
    Comprei uma S10 agora, é muito mais forte que a L-200, mais o que tá me deixando encucado é a temperatura do motor. Andando na cidade com o trailer ela fica abaixo do meio ( 85-90ºC no computador de bordo ) e no asfalto a 90 km/h ela passa da meio no painel ( 99-106ºC no computador de bordo ), na TrailBlazer também é assim ?
    Quando o ponteiro da temperatura está bem no meio ela está a 99ºC no computador de bordo e esses 106ºC fica um pouco além do meio, longe dos 3/4 do ponteiro.
    Talvez quando ela amaciar trabalhe com a temperatura mais baixa ou é uma questão de acostumar com ela assim mesmo.
    Queria tirar essa duvida com você ou com alguém do grupo, porque não adianta perguntar para quem não puxa nada com o carro, pois a minha mesmo se não estiver rebocando a temperatura fica baixa.
    Um abraço, Cuco.

    #100736

    leandrovaranda
    Participante

    Geralmente é normal trabalhar até o meio do ponteiro de temperatura. A minha S10 2012 fica nessa região (mas nunca atrelei ela um trailer). Quando se está na rodovia mais ar entra pela frente, isso deveria resfriar o motor e manter até abaixo da faixa que fica na cidade, só que o motor está trabalhando mais e gerando mais ar quente, que sobe e tem dificuldade de sair, pois o ar que entra é mais frio e a tendencia do ar frio é descer. Uma solução que muitos usam é a da foto abaixo:
    Capo com saaída de ar quente
    Isso Permite o ar quente sair por cima em direção ao para-brisa (muito útil em dias de chuva). Mas só vale a pena a modificação se isso realmente estiver sendo um problema, como por exemplo em serras e outras situações em que está forçando mais o motor a temperatura chegar em níveis preocupantes.

    #100738
    Odair Teixeira
    Odair Teixeira
    Participante

    Se o projeto do motor foi bem feito, pode estar puxando ou nao, em baixa ou em alta, no calor ou no frio. A temperatura tem que ficar nos 90 graus. O ponteiro tem que estar no meio do mostrador..

    #100783
    Odair Teixeira
    Odair Teixeira
    Participante

    Lembro de um Santana GLSI Executive Automatico que eu tive. Era sussa, nao esquentava nunca. Temperatura sempre no meio do ponteiro.
    Um dia a valvula termostatica abriu o bico. Mandei trocar numa oficina respeitada. Dali em diante, a temperatura variava o tempo todo. Se apertasse o pé, arriscava ferver.
    Fui na concessionaria, comprei uma valvula termostatica original e sacrifiquei um sabado e fiz a troca. Nunca mais tive problemas.

    Alguns fabricantes atuais adotam o sistema de controle de temperatura pelo módulo central. A temperatura fica estável no meio do marcador. Pequenas variações são entendidas pelo módulo como normais e não alteram a posição do marcador para nao aborrecer o usuário.
    Só quando alguma anomalia ocorre, aí sim a temperatura fica muito baixa ou sobe demais, anunciando que algo errado está ocorrendo.
    As pick ups modernas usam ventoinhas com polias viscosas / embreagem viscosa e até dispositivos mecatrônicos para o controle da temperatura.

Carregue no Post Images, copie o "Direct link" e utilize o botão para inserí-lo. SAIBA MAIS AQUI

Visualizando 5 posts - 21 até 25 (de 25 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.