Sacos de Dormir
 

Quando se fala em sacos de dormir (sleeping-bag) se fala no conforto do descanso. É importante escolher bem o modelo para não ter dor de cabeça depois.

Num país tropical como o nosso, com bastante variância de temperatura, nos vemos num mar de opções, falando-se deste item de acampamento. Os sacos de dormir apresentam-se de várias formas e opções.

Existem vários modelos, mas em geral, eles são feitos de Nylon (poliamida) por fora e de algodão por dentro. Lembre-se de que você precisa ver se irá utilizar somente o saco de dormir, oi irá colocar um colchonete embaixo, aumentando o seu conforto.

O modelo mais simples é mesmo um saco, sem zíper e sem a parte para colocar a cabeça.

Este não é muito indicado, pois é difícil de entrar e obriga a ficar o tempo todo muito bem coberto.

Os demais modelos com zíper também variam, desde modelos que abrem até a metade até modelos que abrem por inteiro.

O tipo sarcófago, abre até o pé e é indicado para temperaturas mais baixas, deixando os pés mais envolvidos e impedindo uma movimentação do corpo. Assim a temperatura do mesmo se mantém.

O tipo envelope é o mais indicado para quem viaja para lugares variados como praia e montanha. Ele abre por inteiro, desdobrando-se até se transformar em um edredom. Assim se estiver calor, o campista pode deitar-se sobre ele e cobrir-se com a outra metade mais livremente.

Em geral, prefira os sacos de dormir com o zíper que abre para os dois lados, assim ao se levantar no meio da noite, o campista poderá abrir somente a parte de baixo e caminhar “vestido”, isto também vale para aqueles que gostam de dormir com os pés descobertos.
Na hora da aquisição, peça ao vendedor para que abra o produto. Toque no material para a aprovação. Sinta a textura do tecido e a grossura do conjunto. Faça a escolha certa e cuide bem do seu equipamento.

Dica: Em lugares extremamente frios, uma pequena e fina manta de lã envolvida em seu corpo dentro do saco de dormir, ajuda e muito a enfrentar a baixa temperatura.

 

COMPARTILHAR

CEO e Editor do MaCamp | Campista de alma de nascimento e fomentador da prática e da filosofia. Arquiteto por formação e pesquisador do campismo brasileiro por paixão. Fundador do Portal MaCamp Campismo sonha em ajudar a desenvolver no país a prática de camping nômade e de caravanismo explorando com consciência o incrível POTENCIAL natural e climático brasileiro. “O campismo naturaliza o ser humano e ajuda a integrá-lo com a natureza.”