Santo Inácio 728×90

Responder a: Patagonia 2016: Expedição MaCamp de Trailer.

HOME Fóruns Campismo & Aventura Relatos de Viagens / Acampadas Patagonia 2016: Expedição MaCamp de Trailer. Responder a: Patagonia 2016: Expedição MaCamp de Trailer.

#90069
Capt.A330
Capt.A330
Participante

Continuação…
Terça feira, 19/01/16.

Após uma boa noite de sono, acordamos com o sol dando o ar da sua graça, e como prenuncio dum dia ensolarado e quente, o ar já começava a ficar mais cálido, na medida que o astro rei subia no horizonte….esse amanhecer naquele árido terreno me fez lembrar de https://www.youtube.com/watch?v=VNzutbEeyRM … ou se quiserem em português https://www.youtube.com/watch?v=TyeGFiYh29M
De fato, o local onde se encontra o Camping é muito seco, com terra, ou melhor, uma especie de areia que cobre quase que por completo o local de estacionamento do Camping, o que obriga a ter cuidado de não entrar com essa areia para dentro dos Trailers; tomamos café todos juntos, e começamos a sair devagar, rodeando, Thomas e eu, a entrada ao parque, para logo estar cortando a estrada com rumo de Chacharramendi, inicialmente, onde deveríamos abastecer os rebocadores, e onde de fato, entraríamos na Ruta del Desierto.
Cuidei muito de NÃO seguir a placa que indica Bariloche pela Ruta 152, e sim, seguimos pela direita, pela Ruta 143 https://goo.gl/maps/huiNVkvdKxm …bem, se não conhecer este delicado detalhe, que embora leva você percorrer por volta de 23 km a mais do que percorrendo a Ruta 152, más que compensa muito, pois a 152 está em más condições de conservação já faz algum tempo, pode ser traumático…uma pena, pois ela, a Ruta 152 pasa pelo Parque Nacional Lihuel Calel http://www.parquesnacionales.gob.ar/areas-protegidas/region-patagonia/pn-lihue-calel/ , que me falaram que é muito bonito, más com essa estrada, “No way Jose”…
Aos poucos, o sol deu lugar a uma nebulosidade bastante forte, e até algumas poucas gotas caíram, más bordeamos a tormenta, deixando de lado as nuvens ameaçadoras, embora um pouco de chuva não seria uma má pedida…e a propósito, até que estava bastante verde o deserto, por causa do El Niño, que teve como resultado um aumento de umidade no deserto que não é comum nessa região em particular, o que nos permitiu mais adiante, ao parar no mesmo, ver que tinha bastante vegetação rasteira para a época do ano.
Bem, eu pretendia fazer o relato deste dia completo, más revendo as fotos de Isabella (e me deleitando com elas), vi que Isa tinha sido muito profícua, com uma extensa coleção, e mais algumas minhas, que para não cansar, vou dividir em 3 partes: a primeira, desde a saída do local de pernoite em Acha, até a entrada no deserto em Chacharramnedi, a segunda, desde a entrada no deserto até sairmos dele, e por último, a passagem por Neuquen, El Chocón, Picun Leufu (sim, aquela cidadezinha que o Meigo adorou!), e a chegada no nosso local de pernoite em Piedra del Águila.
Então, as fotos e fim da primeira parte.

Fotos:
Nesta 1ra. parte, todas as fotos são tomadas por Isabella.

O lugar do pernoite.

Uma panorámica do Acampamento.

Outra vista do local de pernoite.

Papa-léguas de prontidão.

Bagualito pronto para partir.

“Amor, compra uma Frontier para mim?”…”Shhhhh, fala baixo Mayumi, que a Maroca está ouvindo…além do mais, você já tem uma Nissan em casa!”

Bem, se alguém precisasse dum estepe para o Trailer, esse estava disponível…

Iniciando a saída do Camping.

Bordeando o Camping.

Cruzando o portal de entrada.

Na saída de G. Acha, uma Casa Rodante do lugar.

Uma Casa Rodante “Pop-up” da Argentina na Ruta 143.

Continua…

BodeCar 728×90