Camping de Piratini-RS Recebe Revitalização para Veraneio
Publicidade:
 
Com a proximidade da chegada do veraneio, o balneário e o camping municipais estão recebendo uma grande revitalização. A ideia é deixar os locais prontos para receber munícipes e visitantes durante o verão 2015/2016.

O Poder Público mobilizou várias secretarias para fazer um mutirão e dar condições aos locais, que tornam-se points de diversão e lazer para aqueles que permanecem no município. Desde a semana passada, inúmeras melhorias vem sendo feitas tanto balneário, quanto no camping.

O balneário Carlos Carvalho, popularmente conhecido como “Passo da Vila”, não apresentava condições de balneabilidade há quase dois anos. A situação foi resultado de uma ação ajuizada pelo Ministério Público por crimes ambientais, que impediu a extração da areia que acumulou-se na barragem.

Agora, com a liberação ambiental lograda pela prefeitura, servidores já aguardam o termino do escoamento da água para dar início ao desassoreamento do Passo. A ação deve durar em média três dias e a areia retirada será movida para as encostas da barragem e quadra de vôlei de praia.

“Foi uma luta penosa, mas conseguimos a liberação ambiental para a extração de areia por mais 4 anos. Esse é um dos únicos balneários que não tem cobrança para os visitantes, então pedimos que a população utilize e nos ajude a cuidar”, frisou o secretário de Cultura, Turismo, Desporto e Lazer, Diego Espíndola.

O gestor mencionou ainda, que será realizada a limpeza do camping e refeita a rede de iluminação. Posteriormente, a extensão não asfaltada da avenida 6 de Julho receberá um trabalho de manutenção e colocação de material, melhorando o acesso aos points do verão piratiniense.

Camping e o vandalismo

Espaço no camping – Foto: Tainã Valadão/ Mundo Piratini
Um lugar com banheiros, churrasqueiras e tranquilidade. Este, é o camping municipal. Porém, bem diz o ditado: “santo de casa não faz milagre”. Muitas pessoas preferem viajar para lugares distantes, tendo mais próximas do que imaginam um local de beleza ímpar na sua própria cidade.

Pior ainda, são os registros de vandalismo e furtos sofridos no camping. Vidros quebrados, enfeites destruídos e o arrombamento do quiosque para o furto de fios de cobre. Essa é a triste realidade vivenciada pelo camping, que novamente recebe melhorias custeadas pelos tributos pagos pela população.

“Ratificamos. O camping é de todos, então todos devemos cuidá-lo. Gastamos com mão-de-obra e material, sendo que esse dinheiro poderia ser destinado de uma melhor forma, se não houvesse a depredação e dano ao patrimônio público”, apelou o secretário Diego.

fonte: http://www.mundopiratini.com.br/
Reportagem: Tainã Valadão


CEO e Editor do MaCamp | Campista de alma de nascimento e fomentador da prática e da filosofia. Arquiteto por formação e pesquisador do campismo brasileiro por paixão. Fundador do Portal MaCamp Campismo sonha em ajudar a desenvolver no país a prática de camping nômade e de caravanismo explorando com consciência o incrível POTENCIAL natural e climático brasileiro. "O campismo naturaliza o ser humano e ajuda a integrá-lo com a natureza."

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here