Vereadora de Avaré Denuncia Más Condições do Camping Municipal
Grupo Motor Home 728×90
Há menos de um mês uma campista usuária do MaCamp nos informou que havia entrado em contato com o camping municipal de Avaré e que haviam informado que o mesmo não estava em funcionamento. Em novo contato por nossos correspondentes, a história foi outra. O atendente apontou apenas dificuldades aos trailers e motor homes devido à implantação de um pórtico que limitaria a altura, mas que as barracas estariam liberadas.

Esta semana a Vereadora Bruna Silvestre denuncia as más condições do camping que há meses encontra-se em processo de reforma sem avanços.

Confira logo abaixo na reportagem do Jornal Comarca:

“Um dos cartões postais de Avaré – o Camping Municipal – está em uma situação preocupante. Quiosques e pias quebrados, escadaria que dá acesso à praia apresentando problemas e obra do farol abandonada há seis anos são alguns dos problemas encontrados no local.

É o que diz a vereadora Bruna Silvestre, que abordou o tema durante a sessão de segunda-feira, 29. “Olha a situação do Camping que lindo. Há um ano estive lá, e continua na mesma situação. O teto do quiosque movimenta com o vento. Para vocês verem a situação precária que se encontra o local. Olha esta escada, nada foi melhorado nisso”, criticou.

Ela chegou a cobrar o atual secretário de Governo, Zezé Cruz. “Ele como secretário deveria cobrar o prefeito”, disse. Ela lembrou que Cruz foi presidente da Câmara quando o Camping foi reformado durante a administração do ex-prefeito Miguel Paulucci. Além dos problemas estruturais, o Camping Municipal conta ainda com um restaurante panorâmico que, apesar de estar pronto, ainda não está funcionando.

COSTA AZUL – A vereadora ainda falou sobre os problemas do Balneário Costa Azul. “Olha a situação do calçadão, tudo parado. Olhem o parquinho, tudo quebrado, sem proteção. Tem uma placa dizendo que é proibido para maiores de 12 anos, mas na verdade teria que ser proibido para criança pequena, proibido para qualquer pessoa. Tudo quebrado enferrujado. Lá também tem muito mato. A Prefeitura só vai recolher a galhada só uma vez por mês. Está abandonado”, disse.

Ela também citou os problemas envolvendo as obras do Calçadão do Costa Azul. “Porque não usam a verba do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (Dade) para terminar o Calçadão, para melhorar o parquinho? Aí vai numa feira, mostra as fotos lindas e maravilhosas. O turista vem e encontra uma pouca vergonha dessa”, finalizou.

COBRANÇA – A vereadora ainda cobrou o secretário de Turismo Fernando Peixoto Alonso. “Eu acho que o Fernando deveria pensar um pouco mais. Verba do Dade é feita pra usar em construção e calçada sim.

Começar a fazer reformas e correr atrás de atrações turísticas, invés de ficar correndo atrás de hotel. Não adianta trazer hotel sem ter reforma e sem ter turista na cidade. Tem que haver turismo. Sem turista e com essas porcarias, como vamos trazer turista pra cá?”, finalizou.

Confira logo abaixo a matéria veiculada pela própria prefeitura em dezembro de 2013, sobre a reforma no local:

“Estância Turística de Avaré, 02 de Dezembro de 2013

O Governo de São Paulo aprovou esta semana a liberação de R$ 3 milhões para implantar obras de revitalização em áreas do Camping Municipal e do Balneário Costa Azul durante o ano de 2014.

Após análises, os dirigentes do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (DADE) autorizaram a liberação dos recursos financeiros para investimentos em infraestrutura voltada ao turismo.

O projeto de revitalização do Costa Azul, orçado em R$ 1.950.000,00 prevê a pavimentação da orla do balneário com lajotas de concreto, instalação de tubos e bocas de lobo para drenagem de águas pluviais e guias no decorrer da orla. Também é prevista a construção de um posto de observação no local. As melhorias facilitarão a circulação de pedestres e veículos.

O Camping receberá investimentos para construção de mais banheiros. As novas unidades terão adequações de acessibilidade.
Além das melhorias nos sanitários, o projeto contempla a recuperação do muro do local, a construção de seis novos quiosques, uma nova residência para servidores de manutenção e uma casa para embarcações.

Também foi liberado no mesmo pacote o convênio no valor de R$ 125 mil para elaboração de dois projetos: um de sinalização turística – que cumpre as deliberações do Plano Setorial de Turismo –, e outro para estudo e avaliação de drenagem de águas pluviais no solo do Arenão, no Parque Fernando Cruz Pimentel, recinto da EMAPA.

Pela primeira vez, a população avareense teve a oportunidade de opinar junto à Secretaria de Turismo e ao Conselho Municipal de Turismo (Comtur) sobre a destinação de verbas liberadas pelo Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias.

Participaram de audiências públicas empresários do setor hoteleiro, de alimentação, entretenimento e outros ligados ao segmento turístico para sugerir onde e como a prefeitura deveria investir os recursos exclusivos para Estâncias Turísticas. Participação popular – A Secretaria de Turismo, mantendo os canais de participação popular, já está avaliando sugestões acerca dos investimentos do Dade referente ao período 2014/2015. Em audiência pública realizada esta semana, membros do Comtur e da Secretaria discutiram a viabilidade de ideias apresentadas por munícipes. Para o período 2014/2015, o valor é de cerca de R$ 3,5 milhões.

Fonte: Secretaria de Comunicação”

fontes deste artigo:

http://jornalacomarca.com.br/vereadora-denuncia-mas-condicoes-do-camping-municipal-e-costa-azul/

http://www.prefeituraavare.sp.gov.br/noticias/view/1462


Motor Trailer 728×90
CEO e Editor do MaCamp | Campista de alma de nascimento e fomentador da prática e da filosofia. Arquiteto por formação e pesquisador do campismo brasileiro por paixão. Fundador do Portal MaCamp Campismo sonha em ajudar a desenvolver no país a prática de camping nômade e de caravanismo explorando com consciência o incrível POTENCIAL natural e climático brasileiro. "O campismo naturaliza o ser humano e ajuda a integrá-lo com a natureza."