Neway RVs 728×90

Freios a disco no Turiscar Imperial

Este tópico contém respostas, possui 10 vozes e foi atualizado pela última vez por  leandrovaranda 2 anos, 7 meses atrás.

Visualizando 10 posts - 1 até 10 (de 35 do total)
  • Autor
    Posts
  • #45918
    Odair Teixeira
    Odair Teixeira
    Participante

    Bom, os que me conhecem sabe da minha implicância com o sistema de freios dos Turiscar. Depois de fritar os freios ou ficar sem eles, decidi migrar para sistemas com discos. Fiz um memorial de calculo do projeto para dimensionar se os freios iriam funcionar. Comecei este projeto em Nov/14 e acabei em Abril/15. A falta de tempo para tocar estes projetos é o que mais me irrita. Comprei na Powerbrakes 4 pinças, 4 discos, 4 cubos 5 furos usinados para casarem com os discos, 4 flanges e 4 flexiíves, juntos com as pastilhas. Troquei os rolamentos e retentores. Troquei os retentores e a gaxeta em L. Esta deu uma canseira grande pra achar. Mas como em SP se vc não acha, é pq não existe, acabei achando numa casa de borrachas e vedações na Mooca. Coloquei uma industrial que vai durar mais que o Trailer. Entre retirar as mangas de eixo, medir, usinar, escarear furos, trocar parafusos e refazer as flanges foram umas 10 idas ao torneiro. Aproveitei que as mangas estavam fora e refiz o embuchamento. O mesmo embuchamento que paguei 2 anos atrás e descobri que o mecânico não havia feito. Por estas coisas que sou desconfiado com mecânicos. Troquei os 4 amortecedores, retirei a capa metálica e coloquei uma coifa de borracha do VW Gol. Como ficava inclinado, as vezes a capa raspava no corpo do amortecedor. Agora a capa metálica não raspa mais. Ficou zerado de suspensão. Troquei tb os pinos graxeiros e coloquei graxa nova. Fiz o test drive duas semanas atrás, rebocando por 150 km até em casa, descendo a serrinha de Aguas de Lindoia até Lindoia e depois fazendo testes de frenagem no caminho. Impressões: Não dá pra descrever o quanto ficou melhor. Agora sim dá pra dizer que tem freios. Vc pisa no freio e nem sente que tem algo sendo rebocado. Dá pra esquecer. Não existe mais trancos. Pontos a melhorar: A minha teimosia em manter as rodas pq eram originais e novas acabaram virando problema. Os freios demoram para esfriar e mesmo em deslocamentos mais longos, demoram para refrigerar. Vou substituir as rodas assim que puder. [attachment=5506][attachment=5504][attachment=5505][attachment=5502][attachment=5503]

    AL-KO 728×90

    #59413

    Ronald Ataulo
    Participante

    Odair, fantástico, quero fazer no meu Diamante

    Ronald Ataulo
    Trailer Turiscar 6.5 (New Pipoca)
    Santos-SP
    www.boraprocamping.com

    #59414
    Odair Teixeira
    Odair Teixeira
    Participante

    Ronald Em termos de frenagem, eu seguro na alavanca do freio de mão e controlo a descida numa rampa como se fosse o freio do carro. Sem comparação com aquela m….da do tambor. Mas prepare-se pq dá um puta trabalho… Primeira coisa. Esqueça a roda de 14 polegadas original. Se puderes, migre para 15 polegadas. Fica muito mais fácil. Sofri para ajustar na roda VW 5 furos de 14 polegadas. Quase tive que colocar espaçadores. Se migrares para 15 polegadas, é plug´n´play! Sds Odair

    #59416

    louvável, essas do tipo faça você mesmo (ainda que de um p* trabalho) são cativantes, parabéns!

    #59417

    GustavoN
    Bloqueado

    Que trabalho bonito, Odair.

    #59418
    Odair Teixeira
    Odair Teixeira
    Participante

    Obrigado Gustavo / Alexandre Algumas coisas me preocupavam: Tive que calcular se o atrito gerado pelos freios não seriam maiores que os das rodas (travamento), já que o freio inercial não tem sensibilidade para dosar o pé. O amortecimento da bequilha tem que ser eficiente, para não virar um aríete nos pistões das pinças Se o cilindro mestre original (simples) daria conta do recado. A vazão de fluído havia quadruplicado, já que a área dos pistões nas pinças é 4 vezes maior. O fato do entre eixos ser muito curto e o centro de gravidade do Imperial estar em cima do primeiro eixo. Eu temia que numa frenagem forte, haveria muita transferência de massa pro eixo dianteiro e afundamento da lança. Na prática, daria para perceber a Hilux sofrendo afundamento da suspensão, mas nos testes de frenagem eu não percebi nada. Mas devo fazer mais uns testes nos próximos dias e tentar avaliar se existe esta condição. A longo prazo, isso se traduz em esforços cortantes, flexões, torções e outras solicitações indesejadas que eram bem menores quando rodava com freio a tambor. O ideal seria colar extensômetros no chassi e coletar os dados, mas aí já iria virar um projeto de trailer novo. Ainda assim, tenho que fazer algumas alterações e ajustes. Qdo conseguir tempo, farei as alterações e postarei aqui… Abraço Odair

    #59420
    Capt.A330
    Capt.A330
    Participante

    Odair, meu irmãozinho, PARABÉNS! Um projeto digno de ser copiado por muita fabrica de Trailer que tem por aí…e não me digam que isto encareceria muito o projeto, pois seria substituir um sistema por outro, imperceptível no custo, que já é extremamente caro. De novo, meus parabéns, e obrigado por deixar acessível, de graça, para tanta gente do MaCamp (e outros), que agora podem ver que o sistema não é tao caro, o que o torna viável. Esto mostra teu caráter nobre (os que te conhecemos sabemos disto à muito tempo), sem querer tirar vantajem econômica, como tanta gente faz, infelizmente. Grande abraço Odair! Dardo.

    #59421
    Odair Teixeira
    Odair Teixeira
    Participante

    Querido Dardo! Tu sabes o quanto sou ranzinza e mal humorado com algumas coisas. Realmente, não havia postado antes por falta de tempo. Tu também sabes que estou trabalhando o triplo para ganhar a metade, graças a exuberância econômica promovida pelos símios que governam este país. A área de engenharia no Brasil está jogada no lixo. Este país não valoriza e não paga pelo conhecimento. E aí vamos andando de lado, e os anos vão passando. Com relação aos custos do projeto, ficaram ao redor de R$ 3000,00 (sem contar a minha MO, que é caríssima). Se for contar as horas técnicas que eu dediquei, daria para comprar outro trailer. Mas para um fabricante, é possível comprar os componentes direto dos fornecedores por um custo bem mais baixo. Estimo que se fosse comprar como PJ direto do fornecedor, isto sairia 25 a 30% do valor . Realmente, não fica caro e vale a pena. A segurança e a tranquilidade não tem preço. Abraço Odair

    #59450

    Bora pra Europa Odair! Leva a turma toda!

    #59451

    Ronald Ataulo
    Participante

    Quando você vai Green?

    Ronald Ataulo
    Trailer Turiscar 6.5 (New Pipoca)
    Santos-SP
    www.boraprocamping.com

Rody Trailer 728×90

PARTICIPE DO FORUM PELO FORMULÁRIO ABAIXO. SE NÃO FOR CADASTRADO, CADASTRE-SE CADASTRE-SE AQUI

Visualizando 10 posts - 1 até 10 (de 35 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.

CLASSIFICADOS: