Patagonia 2016: Expedição MaCamp de Trailer.

Este tópico contém respostas, possui 25 vozes e foi atualizado pela última vez por Capt.A330 Capt.A330 2 anos, 2 meses atrás.

Visualizando 10 posts - 131 até 140 (de 215 do total)
  • Autor
    Posts
  • #91469 Resposta
    Capt.A330
    Capt.A330
    Participante

    Terça-feira, 26 de Janeiro de 2016:

    Hoje amanheceu nublado, prenuncio de chuva que chegava desde o Pacífico, e então, aproveitamos a manhã para faxinas diversas, e preparos para a viagem de amanhã, com destino ao nosso próximo ponto de acampamento, no Camping Los Baqueanos, pertinho de Bariloche.
    Sim, os dias passados em Lago Puelo foram maravilhosos, más já estava na hora de continuar viagem, com vistas à manter nossa agenda, em função dos dias transcorridos; de tarde, fomos ao vale do Epuyén, e de lá, fomos para El Maitén, uma pequena cidadezinha, de onde parte o “Viejo Expreso Patagonico”, uma Maria Fumaça conhecida localmente como “La Trochita”, que é uma das menores linha férrea da America Latina em largura de bitola (75 cm), rebocada por máquinas a vapor, construídas no inicio do seculo passado (lá pelo 1922), e que é uma das somente três em operação no mundo no seu tipo.
    Deixo aqui alguns “links” para quem, como eu, se interessar pelo tema:

    http://www.patagoniaexpress.com/el_maiten.htm

    https://es.wikipedia.org/wiki/La_Trochita

    Inicio

    http://www.interpatagonia.com/esquel/expreso-patagonico-la-trochita.html

    E tem este vídeo, onde La Trochita faz integralmente o antigo percorrido, embora hoje não se faz mais:

    O dia foi muito legal, e no retorno, compramos mais cerejas, sabendo que em Bariloche não acharíamos tão facilmente, pois a temporada da cereja é em Dezembro, e já estávamos no final quase de Janeiro, e também abastecemos os rebocadores, para aproveitar o comb. por volta de 20% mais barato, e todo isto nos manteve ocupados durante o restante da tarde.
    Também, como o tempo estava desmelhorando, atrelamos os rebocadores e rebocados, conferimos pressão dos pneus do comboio, checamos luzes, etc., caso amanhã esteja chovendo, como previsto pela meteorologia local, pois se é possível se adiantar e deixar tudo pronto, não será necessário, caso chover, executar todo este trabalho debaixo de chuva: tudo pronto, a dormir, que amanhã continuamos a viagem.
    Sobre as fotos, estou definindo que vou sempre tentar publicar as fotos de Isa separada das minhas, porque as vezes misturava ambas, e deixava de dar os créditos que a querida Isabella merece.
    Lembrando, se desejar ver a foto ampliada, é só “clicar” com o botão direito do “mouse” nela, e “Abrir imagem em uma nova guia”, e pronto, a foto no seu tamanho maior abrirá noutra página.

    Fotos de Isa:

    Vale de Epuyén.

    Em direção ao Maitén, para ver “La Trochita”.

    Esperando o trem…e não é coisa só de mineiro, não…

    Então, estávamos aguardando a passagem da Maria Fumaça, e eis que passa um cidadão correndo, fazendo exercício…e Neiva, sai correndo atrás dele, imitando o coitado…

    Voltando da corrida para o nada…

    “Olha o trem!”

    ou se quiser a versão original:

    La Trochita (A bitolinha, assim chamado pela línea férrea ser de bitola estreita.)

    Mais uma…

    Interior de “La Trochita”, na 1ra. Classe

    Classe turística…

    Aquecedor à lenha para o inverno abordo do trem…

    A estação de El Maitén.

    Minhas fotos:

    Café da manhã no Guanaquito; com cerejas e pêssegos, para não passar vontade!

    As meninas em dia de faxina e preparativos para a viagem do dia seguinte.

    Guanaquito em dia de faxina geral.

    Poeira das estradas em Epuyén…

    Prontos para pegar a estrada…de novo!

    Gente brincando de trem…

    La Trochita!

    Chegando em El Maitén.

    Parte do vale de Epuyén.

    Continua…

    #91484 Resposta

    uau… curti demais esse post, dardito…… riquíssimo…. em histórias, informações, links, videos e fotos……. demaisssss

    Podemos ver numa das fotos que a diferença de altura da Neivinha pra Beti é de “um diamante”… hahaha

    Marcos Pivari - CEO e Editor do MaCamp

    #91500 Resposta
    Raimar
    Raimar
    Participante

    Fantastico. Haja coragem e competência para encarar este desafio. Estarei lhes seguindo ao longo de toda a expedição. Tenho muito a aprender, mas “sem pressa se vai longe”.

    #91512 Resposta
    Capt.A330
    Capt.A330
    Participante

    Buenas Marquitos!
    Fico feliz de que estejas curtindo o post, e espero em breve continuar; grande abraço Marquitos!

    Dardo.

    #91513 Resposta
    Capt.A330
    Capt.A330
    Participante

    Caro Raimar, muito obrigado pela Vossa consideração: quanto à aprender, eu tento aprender até hoje, pois o dia que achar que sé tudo, estou perdido!
    E sobre a expedição, o importante é um bom planejamento anterior, com atenção para os detalhes, e mesmo assim, vez por outra, aparece um incidente que você não tinha previsto, e daí, tem que usar toda tua experiencia anterior para tentar resolver, sem esquecer de ouvir aos outros, que podem ter ideias diferentes que podem ser melhores soluções que as tuas, especialmente quando se viaja em grupo, e então, discernir sobre o melhor método a ser adotado.
    Obrigado por ser parte do grupo, e grande abraço Raimar!

    Dardo.

    #91520 Resposta
    Raimar
    Raimar
    Participante

    Caro Dardo, ontem comecei a ler post “Ushuaia de Trailer- Relato”. Parecia que estava lendo um destes livros que não se consegue largar antes de chegar a ultima pagina. Já conclui os posts do relato propriamente dito e agora estou nos comentários e lembranças. É incrível a quantidade de informações e o nível de detalhes dos seus relatos. Você faz anotações ao longa da viagem ou é memória de elefante mesmo? São informações fundamentais para quem planeja fazer esta viagem.
    Como sou iniciante no MaCamp ainda estou tateando pelo site. Muito Obrigado

    #91521 Resposta
    Capt.A330
    Capt.A330
    Participante

    Buenas Raimar!
    Obrigado pelos comentários; quanto aos detalhes, funciona assim para mim: tenho memoria fotográfica… Sim, gosto muito de tirar fotos, e como nas câmeras digitais podemos ver a data, cada foto que vejo após a viagem, me volta na minha memoria, o quê fazia nesse momento, o quê falávamos e pensava, os lugares com seus detalhes, as pessoas e diversos items que compõem uma memoria como um todo.
    O fato de eu gostar muitíssimo de viajar, acampar e percorrer lugares lindos (ou ao menos, que eu acho lindos!), me dá imediatamente a ligação entre o lugar, o dia e o que sentia no momento, pois as coisas boas, ficam gravadas para sempre na nossa memoria.
    Na minha vida na aviação, tive que aprender a memorizar muitas coisas, e normalmente, o fato de associar os dados, é fundamental para poder lembrar detalhes de forma associativa, e por isso, me lembro com facilidade dos detalhes de cada viagem.
    Além disso, as meninas me ajudam muito, e conversando entre nós, surgem coisas como “…se lembra daquela estradinha de lado do lago tal, que era estreita, e vimos aquele camião velho””, e por aí vai, e tudo isto, aliado às fotografias tiradas todos os dias, ajudam muitíssimo.
    E faço questão de compartilhar informações aqui no MaCamp (não publico nem em “blog”, nem Face, nem nada pelo estilo), para que todo aquele que um dia se aventurar por essas estradas distantes, tenha ao menos uma ideia de como começar a idealizar sua futura viagem.
    Grande abraço Raimar!

    Dardo.

    #91522 Resposta
    marcelocs.sle
    marcelocs.sle
    Participante

    Dardo, continuamos com a campanha para publicação do livro “Memorias do Guanaquito”…hehehe

    FAMÍLIA M&Ms

    #91525 Resposta
    Neiva Lorencet
    Neiva Lorencet
    Participante

    Marcos, rindo de mim????? você podia me elogiar, correndo nas estepes patagônicas, com os dois
    pés no ar, temperatura em torno de 10 graus, vento….. pensa que foi fácil ? rrrsssssssss
    E pilotar o trem???? sem curso e sem carteira rrrrssssssssssssss.
    Saudades de vocês. Bjos.

    #91536 Resposta
    Newton Neto
    Newton Neto
    Participante

    Buenas, Dardo!

    O relato, como sempre, está sendo fantástico! Com esta riqueza de detalhes acabamos nos sentindo parte do comboio!
    Em tempos de comunicação instantânea e os Whatsapp da vida, muito destas ricas informações dos fóruns vêm se perdendo, caindo no esquecimento ou alcançando poucas pessoas, o que é uma pena para quem busca informações na internet, ou que gosta de aprender (e ler) coisas novas!
    Espero muito que isto não ocorra por aqui e que possamos aprender muito com você e com as maravilhosas viagens do Guanaquito!

    Um grande abraço,

    Newton

    Curitiba - PR

PARTICIPE DO FORUM PELO FORMULÁRIO ABAIXO.
Visualizando 10 posts - 131 até 140 (de 215 do total)
Responder a: Patagonia 2016: Expedição MaCamp de Trailer.

You can use BBCodes to format your content.
Your account can't use Advanced BBCodes, they will be stripped before saving.

Sua informação:




CLASSIFICADOS: