Camping do Parque Itapeva em Torres-RS será fechado
 

O Departamento de Florestas e Áreas Protegidas (Defap) da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) informa que o camping do Parque Estadual de Itapeva, em Torres, estará fechado a partir desta quinta-feira (5). Conforme a diretora do Defap, Vera Pitoni, o camping necessita de manutenção nas redes elétrica e de saneamento que sofreram avarias devido às fortes chuvas que caíram na região na segunda quinzena de março. Também há problemas de trafegabilidade na via de acesso entre a Estrada do Mar e a entrada do Parque.

“Pedimos compreensão ao público, mas não há condições de ocupação do camping neste momento em razão dos estragos provocados pelas chuvas”, destaca Vera Pitoni. “Quando todos os reparos estiverem prontos os visitantes poderão, novamente, usufruir daquele belo local”, acrescenta. A visitação à área geral do Parque Itapeva permanece normal.

 

fonte: http://www.estado.rs.gov.br/noticias/1/57212/Camping-do-Parque-Itapeva-sera-fechado/73/69//

Localizado à beira-mar, o camping tem capacidade 500 pessoas, além de 25 unidades de motor-home e trailer. O local oferece churrasqueiras e banheiros aos veranistas. Segundo o gestor do parque, Paulo Grüber, os interessados em veranear no local devem se programar, uma vez que não são feitas reservas. Por se tratar de uma unidade de conservação, destinada prioritariamente à proteção dos ecossistemas, fauna e flora da área, e que está submetida a regramentos, é proibida entrada e permanência de animais domésticos no parque. Destaca ainda que o percurso de trilhas deve ser feito com a orientação de guarda-parque.

O Parque de Itapeva abriga um dos únicos remanescentes de floresta paludosa em unidades de conservação no Estado. Protege grandes dunas móveis e dunas fixadas com vegetação de restinga, paisagem característica da planície litorânea do Rio Grande do Sul e cada vez menos encontrados. Há campos alagados e secos, turfeiras, matas de restinga, banhados, arroios e vassourais.

Na fauna aparecem diversas espécies de anfíbios e entre os répteis, destaca-se a lagartixa-das-dunas. Também podem ser vistas no local diversas espécies de aves, como o macuquinho e entre os mamíferos chamam a atenção o mico-prego, o tamanduá-mirim e várias espécies de cuícas. Na flora, são encontradas grandes figueiras, palmiteiros, uma grande variedade de orquídeas e de bromélias.

 


 

CEO e Editor do MaCamp | Campista de alma de nascimento e fomentador da prática e da filosofia. Arquiteto por formação e pesquisador do campismo brasileiro por paixão. Fundador do Portal MaCamp Campismo sonha em ajudar a desenvolver no país a prática de camping nômade e de caravanismo explorando com consciência o incrível POTENCIAL natural e climático brasileiro. "O campismo naturaliza o ser humano e ajuda a integrá-lo com a natureza."