Publicidade:
 

Uma das mais belas Serras do nosso Brasil rodoviário guarda história e belezas naturais imperdíveis. A PR-410 é um traçado oriundo da rota dos tropeiros que liga a Capital paranaense ao litoral bem no fundo da baía de paranaguá. Com trechos ainda em paralelepípedos, acolhe diversos pontos de descanso e lazer na estrada-parque que desce o morro sentido as históricas Morretes e Antonina.

Cortando uma das mais preservadas áreas de mata atlântica brasileira, ganhou em 1993 o título de “reserva da biosfera” do ecossistema. A estrada da Graciosa foi inaugurada em 1863 e permaneceu por muito tempo como a mais importante estrada pavimentada do Paraná servindo ao escoamento agrícola até o porto de Paranaguá. São em torno de 30km de passeio que começa na BR-116 no portal de arquitetura que remete às missões jesuítas. Se for na primavera, o visitante ainda ganhará a beleza das hortênsias que enfeitam todo o rebordo da estrada.

Ao final do trecho de serra, chega-se ao distrito de São João da Graciosa com culinária e artesanato local. O Barreado é a comida típica tropeira que o turista não pode perder e que é a especialidade gastronômica das cidades de Morretes e Antonina – berços da colonização portuguesa secular.

ESTRADA DE FERRO: Uma das mais belas ferrovias do Brasil está no trecho de descida da Graciosa. Trens de carga ainda escoam produção até o porto enquanto trem de passageiros faz um roteiro totalmente turístico. Uma das antigas estações fica no Parque Estadual do Marumbi que tem acesso por carro ou a pé a partir do bairro de Porto de Cima entre Morretes e São João.

Acesso a RVs: A Serra de modo geral é proibida para veículos pesados, mas a maioria das placas indica apenas a restrição aos caminhões. Motor homes pequenos e trailers descem tranquilamente, mas será sempre um risco diante de alguma fiscalização. Perfazer a serra é uma experiência imperdível que nós não hesitamos em subir e descer tanto de trailer quanto de motor home.

CEO e Editor do MaCamp | Campista de alma de nascimento e fomentador da prática e da filosofia. Arquiteto por formação e pesquisador do campismo brasileiro por paixão. Fundador do Portal MaCamp Campismo sonha em ajudar a desenvolver no país a prática de camping nômade e de caravanismo explorando com consciência o incrível POTENCIAL natural e climático brasileiro. "O campismo naturaliza o ser humano e ajuda a integrá-lo com a natureza."

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here