riobike

Respostas no Fórum

Visualizando 10 posts - 1 até 10 (de 46 do total)
  • Autor
    Posts
  • em resposta a: Considerações sobre Botijão de Gás #204273
    riobikeriobike
    Participante

    em resposta a: Considerações sobre Botijão de Gás #204271
    riobikeriobike
    Participante

    Transporte de botijão em veículo, para uso próprio:

    Segundo a Nota Técnica Conjunta DTF04/2015 da DPRF, caso seja constatado que o botijão de gás de GLP é destinado ao uso próprio na cozinha pelo motorista, não devem ser aplicadas as multas previstas no Regulamento de Transporte de Produtos Perigosos.

    Aplicam-se, no caso, a alínea “b” do item 1.1.1.3 da Resolução ANTT no 420/2004 e respectivas alterações, que rezam:

    1.1.1.3 Não se aplicam as disposições referentes ao transporte terrestre de produtos perigosos nos seguintes casos:

    b) Produtos perigosos embalados para venda no varejo, portados por indivíduos para uso próprio.

    Neste caso, desde que o botijão tenha peso líquido máximo de 13 kg e esteja localizado na parte externa da carga transportada, o Policial Rodoviário Federal não deverá proceder à atuação inerente ao Regulamento do Transporte de Produtos Perigosos, nem tampouco realizar a retenção do veículo ou fazer outras exigências aplicáveis ao transporte.

    Se for constatado que o bujão de gás está dentro do compartimento de carga, o policial deverá observar se a quantidade está dentro da isenção prevista pelo regulamento (333 kg).

    Constatada qualquer quantidade de botijões de gás no compartimento de carga junto com outros produtos perigosos transportados com o GLP, deverá ser verificada a compatibilidade entre os dois produtos, uma vez que o transporte concomitante no mesmo compartimento pode causar reação química entre os produtos, expondo o transporte, os condutores e as pessoas em geral a riscos e perigos.

    Se houver incompatibilidade entre os produtos, o policial deverá aplicar não só as autuações cabíveis como também as respectivas medidas administrativas, previstas no Regulamento do Transporte de Produtos Perigosos.

    Caso não haja incompatibilidade e o GLP seja para uso próprio, o policial deverá orientar o condutor a fixar o botijão de gás em local apropriado, evitando-se, desta forma, locais próximos ao cano de descarga dos veículos e válvulas de liberação dos produtos transportados.

    Neuto Gonçalves dos Reis
    Diretor Técnico Executivo da NTC&Logística, membro da Câmara Temática de Assuntos Veiculares do CONTRAN e presidente da 24ª. JARI do DER-SP.
    Fonte: Blog do Neuto / Site da NTC

    em resposta a: Construção Mini Trailer sobre Reboque "Fazendinha" #195618
    riobikeriobike
    Participante

    Atualizando o histórico:

    Cortei a ponta da lança, para retirar o acoplamento original (fora de padrão).

    Soldamos um tubo quadrado de 50mm.

    Na ponta do tubo, aparafusamos o acoplamento (munheca) da AL-KO AK-7 (para 750kg).

    Aproveitamos para aumentar a lança.

    Agora tenho 80cm livres para a ampliação da carroceria.

    Também instalei as lanternas traseiras (terão luz de ré) e o chicote elétrico das lanternas.

    1. Próximo passo será fechar, novamente, o baú.
    em resposta a: Quem ai mora em um trailer? #195048
    riobikeriobike
    Participante

    Já “morei” em um KC-450, quando era estudante… há uns anos atrás…hehe…

    O trailer era do meu pai e ficava  estacionado no terreno. Usei por um tempo como roda quadrada.

    Atualmente estou reformando-o e pretendo morar, em definitivo, nele.

    em resposta a: Reforma do Trailer KC-450 (Sanssouci) #166721
    riobikeriobike
    Participante

    Últimos serviços realizados:

    • Pintura de acabamento do para-choque (branco);
    • Instalação das lanternas externas para facilitar o projeto elétrico;
    • Aos poucos, colocando as paredes no prumo, utilizando escoras por dentro para apoiar e levantar o teto. Com isso, o vão da porta já está na posição correta.
    • Pintura da madeira da estrutura, na face externa, com Stain Osmocolor (proteção contra humidade)

    Início do projeto elétrico: começando pelo chicote do engate (das sinaleiras).

    • O chicote irá até uma caixa de distribuição sob a cama traseira. Desta caixa sairão fios comuns, dentro de conduíte automotivo, para as lanternas.
    • A ligação será cruzada: a lanterna superior direita ligará junto com a lanterna inferior esquerda e do outro lado será cruzada).
    • A lanterna principal (posição, freio e será) será a original!
    • No para-choque e na parte dianteira a meia altura (junto aos frisos) irei instalar lanternas no padrão das Brasílias, Fusca, Variant.
    • Na traseira uma lanterna para ré e uma vermelha de neblina.
    • Na dianteira duas amarelas (uma de cada lado para posicionamento).
    • Na dianteira também colocarei uma caixinha de distribuição para as lanternas externa dianteiras, evitando trazer esta fiação da traseira (como era originalmente).

     

    em resposta a: Reforma do Trailer KC-450 (Sanssouci) #166566
    riobikeriobike
    Participante

    Hoje foi dia de levar o trailer para a garagem!

    Com a comprovação que a madeira da estrutura e do assoalho aguentaram muito bem chuva e sol, levei o trailer, para continuar o serviço,  a garagem coberta.

    Incrível como é possível agilizar o serviço pelo simples fato de não precisar me preocupar com chuva e sol…

    Então, já instalei os conduites elétricos no chassi, desde o baú elétrico (baú dianteiro ao lado da porta) até a geladeira e também até a cozinha.   Nestes conduítes levarei os fios 6mm.

    O cabo PP para iluminação traseira e engate no carro também já passei por dentro do chassi.

    E a mangueira do gás também seguirá dentro do chassi.

    Debaixo da cozinha vou colocar um Tê e um engate rápido para poder ligar um fogão externo.

    Decidido que o aquecedor de passagem ficará instalado na caixa do gás, sobre a lança.

    O tubo Tigre para a água quente já está no lugar.

    Com estas partes instaladas junto ao chassi, vou colocar o assoalho (compensado naval) na parte dianteira.   Mais adiante poderei colocar o assoalho no meio.

    Decidi que as janelas serão instaladas bem mais adiante, assim, evito danos e ficará mais fácil trabalhar , pois, posso aproveitar as aberturas.

    Vou publicar algumas fotos em novo post.

    em resposta a: Construção Mini Trailer sobre Reboque "Fazendinha" #165989
    riobikeriobike
    Participante

    Após um bom tempo parado estou retomando a montagem.

    A última etapa pintei as chapas, no lado externo, com batida de pedra branco.

    Depois de tudo pronto lembrei que precisaria lavar o baú…e a rugosidade da batida de pedra dificultaria bastante o serviço…kkkk … Lixei tudo de novo…

    Ficou uma camada branca mas deixei e, durante os meses que ficou parado observei como o compensado e a pintura de proteção de comportaram.

    Tudo perfeito… Não pegou chuva mas umidade, água jogada com mangueira de jardim, poeira (muita poeira) e fezes de morcego…tudo tranquilo…o compensado passou no teste!

    Hoje lavei com balde d’água e desengraxante. Tranquilo. Aprovado, mesmo com o resíduo de batida de pedra deixando a superfície áspera, dificultando a limpeza.

    Depois de seco, pintei uma demão com tinta Coralit Balance Branco Brilhante (tinta para áreas externax, madeira e ferro, solúvel em água, que pode substituir o esmalte sintético). A Coral garante 10 anos!  Ela,em diferente das tintas æ base de solvente, não amarela com o tempo…vamos ver…

    Amanhã mais uma demão e depois a terceira e última demão.

    em resposta a: Relação de Revendas Botijão de Gás P5 e P8 #165979
    riobikeriobike
    Participante

    Recentemente incluímos revendas P8 e P5 em Recife, Fortaleza, Cabo Frio, São Gonçalo, RJ  e também em SP e no sul:

    https://drive.google.com/open?id=1ZwJLmDA1hSH46b7MShGfdftrxe-up__8&usp=sharing

    em resposta a: Reforma do Trailer KC-450 (Sanssouci) #165978
    riobikeriobike
    Participante

    Limpeza dos Perfis de Alumínio  (retirada da massa de calafetar):
    este é um desafio à parte… Após pesquisas nos grupos, parece não haver um produto específico para retirar a massa de calafetar.

    Então, o melhor resultado estou tendo com uma espátula e utilizar querosene e thinner para uma limpeza mais fina, no final; inclusive para retirar a gordura e preparar os perfís para receber a cola PU.

    Dá muito trabalho e toma muito tempo mas está funcionando.
    Indicaram usar os removedores de pintura Pintoff e Striptizi. Porém, ainda não testei e não sei se realmente removeriam a massa.

    O que estou pensando é como retirar no futuro a cola PU…  Imagino que será muito mais difícil e trabalhoso comparado à massa de calafetar…
    Por isso, creio que em alguns serviços irei utilizar a cola de contato (cola de sapateiro) e a tradicional e temida massa de calafetar.

     

     

    em resposta a: Reforma do Trailer KC-450 (Sanssouci) #165919
    riobikeriobike
    Participante

    Os sarrafos de Cedro Rosa impregnei com Jimo no Cupim (usando pincel).

    Depois passei 2 demãos de Stain Gold Osmocolor, para proteção contra umidade.

    O assoalho, em compensado naval 15mm, também passei Stain 2 demãos e choveu um pouco sobre ele. O Stain segurou muito bem a água!

    Na parte interna serão 3 demãos de Stain. Na parte externa (inferior) e nas bordas serão 3 demãos de Sika Neutrol.

    A montagem dos sarrafos de madeira e o assoalho já começou!

PARTICIPE DO FORUM PELO FORMULÁRIO ABAIXO.
Visualizando 10 posts - 1 até 10 (de 46 do total)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

CLASSIFICADOS: